//
you're reading...
Duarte Gomes

Duarte Gomes, o “lampião”

Duarte Gomes árbitro de Lisboa é conhecido pelos seus célebres favorecimentos ao Benfica. Alguns deles absolutamente descarados e vergonhosos:

Estrela – Benfica (pénalti inventado por bola na.. cabeça do jogador do Estrela – Taça da Liga 2007)

Benfica – FC Porto (pénalti inventado e expulsão inventada de Otamendi – 2010/11)

Benfica – Vitória Guimarães (2 pénaltis inventados por bola no peito e bola na cabeça – 2011/12)

Recentemente este mesmo árbitro, visto ter dificuldades em disfarçar o seu clubismo assumiu mesmo torcer pelo SL Benfica.

Em entrevista ao site desportivo “Relvado”:

Relvado – Os árbitros raramente assumem o seu clube. Podemos saber qual é o seu?

Duarte Gomes – Sim, sem problema nenhum. Comecei a arbitrar com 18 anos e não tenho culpa nenhuma de nessa idade já ser um ser humano e ter as minhas opções bem definidas a nível pessoal, profissional e desportivo. Sou adepto do Benfica. Sempre fui… Nunca o neguei sempre que me foi solicitado o preenchimento de questionários relacionados com arbitragem. Mas suspendi as minhas quotas de sócio do Benfica a partir do momento em que passei a ser árbitro.

Enquanto adepto sou benfiquista, mas como árbitro sou só árbitro. O Presidente da República é o presidente de todos os portugueses, mas é do PSD… O Luís Filipe Vieira é um bom presidente do Benfica e foi um excelente presidente do Alverca. O Simão Sabrosa jogou no Benfica de corpo e alma e fez toda a sua formação no Sporting. Ou seja, o profissionalismo das pessoas não pode colocar em causa as suas opções pessoais. Mas há muitas pessoas que o árbitro, por ser de determinado clube, o vai beneficiar, ou pior ainda, o vai prejudicar para mostrar que é sério.

http://relvado.aeiou.pt/diversos/duarte-gomes-sou-adepto-benfica-exclusivo-226986

Na mesma entrevista Duarte Gomes reconhece ter sido ele a provocar o contacto com o jogador portista Belluschi, num lance que suscitou críticas dos “experts” da arbitragem.

Relvado – Na época passada, expulsou João Pereira, jogador do Sporting, depois deste o ter insultado, como de resto é bem visível nas imagens televisivas. Mas não fez o mesmo quando Belluschi, jogador do FC Porto, lhe deu uma “peitada” num encontro com o Sporting de Braga. Quer explicar porque tomou duas decisões diferentes?

Duarte Gomes – Em cada momento, o árbitro toma a decisão que entende que tem de tomar, que é apropriada. Numa das situações, foi muito clara qual foi a linguagem usada. E felizmente que as imagens televisivas o confirmam, senão era acusado se ser persecutório. A televisão às vezes também ajuda os árbitros, sabe? Tenho de definir a linha entre o que é um desabafo e a frustração do jogo e o que é injúria direta, ofensiva e ordinária, o que aconteceu nesse caso. Quem se sinta incomodado com essa decisão, lamento. Mas se voltar a acontecer uma situação do género com qualquer outro atleta, tomarei medida igual.

Em relação ao Belluschi, reparei na televisão que fiz uma má gestão da situação. É um caso claro de um erro… Mas no campo, a minha perspetiva é diferente. Na altura, vou preparar-me para advertir um jogador, que não o Belluschi, este coloca-se no meu caminho e tenho a certeza que fui eu que provoquei o primeiro contacto. E ao fazê-lo, recebo um contacto do jogador. O que eu penso é: ‘aguenta-te que tu é que foste à pancada’. Mas reconheço que a imagem que aparece na televisão é diferente e que fiz uma análise errada.

Discussion

No comments yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: